domingo, 8 de setembro de 2019

8 de Setembro Dia Mundial da Fibrose Cística!





Oi gente! Tudo bem? Vocês sabem quem descobriu a Fibrose Cística?


Vou contar pra vocês! A descoberta da FC foi feita pela Dorothy Hansine Andersen com ajuda do Paul di Sant'Agnese, Dorothy foi uma patologista  e pediatra estadunidense, a primeira pessoa a identificar a fibrose cística e a primeira médica estadunidense a descrever a doença

Em sua pesquisa, Andersen desenvolveu resultados na patologia da doença celíaca, observando uma fibrose distinta que levava ao mau funcionamento do pâncreas em pacientes que morreram de doença celíaca.

Esse resultado foi publicado no American Journal of Diseases of Children, em 1938, quando Andersen cunhou o termo "fibrose cística do pâncreas." Em 1948, A Academia Americana de Pediatria concedeu-lhe  a Borden Bronze Plaque por seu trabalho bem-sucedido em "determinar a eficácia de diferentes antibióticos em aliviar as infecções do trato respiratório que são a principal causa de morte no caso da fibrose cística.

Já Paul di Sant'Agnese (1914–2005) foi o fundador da Cystic Fibrosis Foundation e da Cystic Fibrosis Care nos Estados Unidos.
Ele foi médico, pesquisador e um dos primeiros médicos que dedicou sua vida à compreensão e conquista da fibrose cística.

E porque 8 de setembro?

Porque foi neste dia que, em 1989, chegou às bancas a edição da revista Science, uma das publicações de maior prestígio no meio científico, onde era descrita a localização do Gene CFTR (do inglês, cystic fibrosis transmembrane conductance regulator), gene causador da Fibrose Cística, no braço longo do cromossomo
Naquela mesma edição também foi reportado que 70% dos pacientes possuíam uma deleção de três nucleotídeos que codificam o aminoácido fenilalanina na posição 507 do gene CFTR, que ficaria conhecida por todos como delta F-508.




Legal né? Espero que tenham curtido!

Bom domingo 💙❤